Base de dados de ADN em Portugal arranca em 2009

Por | 13 de Setembro de 2008
A garantia foi dada por Conde Rodrigues, secretário de Estado Adjunto da Justiça: em 2009, começa a operar a base de dados de ADN.
O Governo anunciou que vai equipar três gabinetes médico-legais com equipamentos para recolha e tratamento de dados genéticos.
Conde Rodrigues lembrou ainda que a nova base de dados vai ser fiscalizada por uma comissão independente nomeada pela Assembleia da República, noticia o Diário de Notícias.

A base de dados de ADN vai recolher e disponibilizar para as autoridades perfis genéticos de cidadãos que tenham sido condenados a penas de prisão superiores a três anos de prisão – ainda assim, a inserção de dados genéticos de criminosos apenas poderá ser levada a cabo quando solicitada por um juiz, a base de dados de ADN apenas deverá recolher dados genéticos dos cidadãos que, voluntariamente, tenham aceitado fornecê-los.
In Exame Informática

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *