Jovens portugueses estão viciados no telemóvel

Por | 5 de Junho de 2008
A dependência dos telemóveis é uma das características que marca a sociedade actual. Para perceber até que ponto os jovens andam de mãos dadas com aqueles dispositivos, o Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa decidiu efectuar um estudo, denominado “E-generation: os usos dos media pelas crianças e jovens em Portugal”.

Através desta análise conclui-se que seis em cada dez alunos nunca desligam os telemóveis quando estão na escola e que 74 por cento apenas o faz porque o telemóvel “só lhe é útil se estiver constantemente ligado”. Não ter o dispositivo consigo ou mantê-lo desligado é algo que, para 54 por cento dos inquiridos, causa muita ansiedade.

A necessidade de se manter contactável leva a que 21 por cento dos jovens não desligue ou tire o som do telemóvel em situação alguma, nem quando estão em velórios, funerais, missas, consultas ou em tratamentos médicos.

Sapo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *