43% dos hospitais implementa marcação de consultas pela Net

Por | 16 de Dezembro de 2006
Nos hospitais portugueses está a ser planeada a integração de várias funcionalidades através da Internet, nomeadamente a possibilidade de marcação de consultas (em 43% dos casos analisados) e o rastreio médico (17%).
De acordo com a publicação «A Sociedade da Informação em Portugal – 2006», apresentada terça-feira no seminário «Observar a Sociedade da Informação em Portugal», 97% dos estabelecimentos hospitalares têm ligações à web, uma proporção cinco vezes superior ao observado em 2004.

As expansões principais verificaram-se na disponibilização nos seus sites de informação sobre prevenção e cuidados de saúde, procedimentos em caso de emergência médica e tabelas de custos dos serviços prestados.
Verificou-se ainda que 23% dos espaços praticam actividades de telemedicina, com particular destaque para o telediagnóstico e a teleconsulta.
Além disso, um terço dos hospitais observados fez encomendas online em 2005 e, deste número, um terço também efectuou os seus pagamentos através da Internet.

Fonte : Diário Digital
Arquivado em: Web

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *